sábado, 21 de maio de 2011

ÀS VÉSPERAS DO BRASILEIRO




Felipe foi uma aposta acertada do Luxemburgo. Em meio a desconfiança, estreou pegando um pênalti e aos poucos foi ganhando a necessária confiança da torcida. Leo Moura tem notória deficiência defensiva (bom lembrar que é um lateral), mas compensa ofensivamente já que é a melhor saída de bola do time. Nosso melhor zagueiro tem contra si a idade e a estatura, uma vez que o Pofexô gosta de zagueiro com físico de zagueiro - Ronaldo Angelim está condenado ao banco. Ao liberar Juan, a lateral esquerda desapareceu. O que houve por ali é melhor não lembrar. Williams é absoluto na marcação. Meio que sem querer (a contusão do Maldonado) o Pofexô descobriu a um tempo o 2º volante e a posição pro Renato Abreu (difícil mantê-lo fora do time já que é o líder natural do grupo). Na frente Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho dispensam comentários. Botinelli é uma incógnita. Toda vez que o Pofexô explica sua contratação nunca diz que o viu jogar, joga pro genro a responsabilidade da indicação. É botar o argentino pra jogar e esperar. O melhor atacante é reserva, o Diego Maurício. Jogando enfiado na zaga ou trabalhando pelos lados do campo é melhor, bem melhor do que os outros do elenco.

Um comentário:

David J. Pereira disse...

Gosto deste blogue!

Podes adicionar o meu aos links sff?

http://davidjosepereira.blogspot.com/