segunda-feira, 2 de junho de 2008

OUTRA VEZ COM UM A MENOS, OUTRA VEZ MAXI FOI DECISIVO NUM FLA-FLU

Leo Moura bateu o pênalti e botou sentido num Flaflu estranho, que parecia ser jogado num campo da Europa Oriental.
Diego Tardelli foi expulso com a ingenuidade de um bambi.
Jônatas, um dos poucos a tratar a bola como ela merece, foi substituído por Renato Augusto, que no entanto não entrou em campo.
Fábio Luciano, mais uma vez, fez das tripas coração e quase um belo gol.
Maxi foi decisivo, novamente: no campeonato do ano passado, o Flamengo também com jogador a menos (em verdade dois), o argentino fez um golaço; ontem, entrou e jogou o que dele se esperava - arrancou no contra-ataque, enfiou brilhantemente em diagonal pro Obina, que disse "faz, Juan"; o goleiro do Flu não deixou, preferia o outro lateral.

4 comentários:

edu disse...

O goleiro do fluminense evitou a goleada, a jogada do Max foi genial. Rumo ao hexa!!!!!

urubu-rei disse...

Fabio Luciano e Toró os melhores, Maxi entrou arrasando.

1 a 0 foi pouco, era pra ser 3 a 0, o gol inacreditável q o Marcinho perdeu no primeiro tempo e aquele golaço q o Fabio Luciano ia fazendo depois de matar no peito e pegar de primeira, mas valeu.

léo kope disse...

começamos o ano de 2008 bem no brasileiro

urubu voador disse...

vamos flamengo

ser campeão

brasileiro

de 2008



MENGÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO